Internet

5 Dicas de como controlar o vício em celular

Vício em celular (Foto: Reprodução/ Colagem Canva)

Controle o vício em celular e redes sociais

O uso excessivo de telas, a constante navegação em feeds, a viralização em redes sociais, debates acalorados, vídeos de animais fofos e uma caixa de entrada cheia de e-mails são realidades cotidianas acessíveis na palma da mão devido a tecnologia. A discussão sobre manter um relacionamento saudável com o celular não é nova, mas as pessoas parecem estar cada vez mais conectadas virtualmente e menos presentes no mundo físico.

Admitamos, realizar um detox digital ou substituir o smartphone por um modelo mais simples não são soluções práticas, especialmente por questões profissionais. Mas, é possível usar a tecnologia diariamente sem ser dominado por ela? Segundo especialistas entrevistados pelo The New York Times, a resposta é afirmativa. Veja algumas estratégias para gerenciar o uso do celular de forma eficaz.

Continua após o anúncio

A função do celular que você deve desativar para fazer o carregamento durar mais

1 – A pergunta é crucial quando você percebe que passou tempo demais navegando no Instagram a ponto de conhecer a vida da bisavó de um colega do ensino fundamental: “Preciso mesmo fazer isso agora?”.

Continua após a publicidade
Cuidado com o vício em redes sociais (Foto: Reprodução/ Canva)
Cuidado com o vício em redes sociais (Foto: Reprodução/ Canva)

É comum usar o dispositivo automaticamente, mas é importante reconhecer e controlar esses impulsos. Ao se tornar consciente de suas ações, você interrompe um hábito automático e ativa a parte do cérebro encarregada do autocontrole. Este conselho é de Richard J. Davidson, fundador e diretor do Centro para Mentes Saudáveis da Universidade de Wisconsin-Madison.

2 – Evite o uso do celular ao dirigir, caminhar ou durante o trajeto de ônibus. Anna Lembke, especialista em psiquiatria e dependência da Universidade de Stanford, alerta para o problema do uso contínuo de smartphones, especialmente “em movimento”. “Perdemos informações valiosas do nosso entorno e a chance de processar e interpretar nossas experiências”, afirma. Portanto, minimize o uso do celular ao se deslocar, seja passando café ou até mesmo durante uma caminhada na esteira. Para os mais audaciosos, experimente desligar o celular no ônibus.

3 – Faça pausas tecnológicas. Embora substituir seu smartphone por um modelo mais simples não seja prático, e evitar aplicativos do cotidiano seja desafiador, desviar a atenção por breves períodos é factível. Adam Gazzaley, neurocientista da Universidade da Califórnia, recomenda intervalos tecnológicos de dez a quinze minutos ao longo do dia, que podem ser programados no próprio aparelho como um lembrete para dar uma caminhada sem o telefone.

4 – Organize seu ambiente. Confiar somente na força de vontade pode ser difícil, mas, segundo James A. Roberts, da Baylor University, adaptar o ambiente facilita o controle. Por exemplo, usar um despertador físico ao invés do alarme do celular evita a tentação de checar mensagens ou redes sociais. Anotar tarefas em papel, em vez de no smartphone, também ajuda.

5 – Domine a tecnologia, não seja dominado por ela. Os especialistas recomendam: gerencie o uso da tecnologia conscientemente.

Continua após a publicidade

Compartilhe:
Mostrar comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *