Tutoriais

Aprenda a montar um PC Gamer em 2024

PC Gamer (Foto: Reprodução/ Canva/ Colagem)

Descubra como montar um PC Gamer

Montar um PC gamer é o sonho de muitos entusiastas de jogos que desejam entrar nesse universo, mas a tarefa de construir um computador do zero pode ser intimidante, levando muitos a procurarem especialistas para evitar erros. Com isso em mente, foi elaborado um artigo com dicas essenciais para iniciar a montagem do seu computador gamer em 2024.

  1. O processador é o ponto de partida para montar um computador, pois determina a escolha da placa-mãe, outro componente vital. É importante escolher um processador que seja compatível com a placa-mãe e que esta suporte todos os outros componentes. A escolha do processador deve levar em conta a longevidade, o tipo de soquete e se possui vídeo integrado, conforme indica o Voxel.
  2. Para economizar no PC gamer, as APUs, que são processadores com gráficos integrados, representam uma excelente opção. Na AMD, são os modelos que terminam com ‘G’, e na Intel, são aqueles que não terminam com ‘F’ para desktops. As APUs mais recentes podem rodar jogos competitivos em HD com uma taxa de quadros satisfatória, variando de acordo com o jogo, e permitem o uso imediato do PC.
  3. A longevidade é essencial, considerando a estratégia das empresas quanto à troca de soquetes e chipsets. A AMD, por exemplo, manteve o soquete AM4 na linha Ryzen por várias gerações, facilitando a atualização de processadores sem trocar a placa-mãe. Se não for escolher uma APU, é necessário pesquisar uma GPU adequada, considerando as diversas opções disponíveis, cada uma com desempenho e características distintas.
  4. Revisar o orçamento do PC gamer é fundamental. Com recursos suficientes, é possível investir em uma GPU de alto desempenho, ideal para jogos com alta qualidade gráfica, resolução elevada e alta taxa de quadros. As novas famílias de GPUs AMD Radeon RTX 7000 e GeForce RTX 4000 são o ápice das tecnologias gráficas atuais. A Nvidia oferece as avançadas RTX 4090 e RTX 4080, enquanto a AMD apresenta as poderosas Radeon RX 7900 XTX e RX 7900 XT. Existem opções mais em conta, como a AMD Radeon RX 7600 para jogos FullHD de alta qualidade, análoga à Nvidia RTX 4060. É crucial realizar uma pesquisa detalhada, que inclua análises, performance em jogos específicos e compatibilidade com a CPU. Evitar gargalos é essencial, já que uma GPU potente é desperdiçada se a CPU não acompanhar.
  5. A resolução do monitor no PC gamer também é crítica. Para imagens nítidas em 4K, recomenda-se uma GPU de ponta. O Ray Tracing, com sua capacidade de renderização realista, oferece visuais deslumbrantes, mas pode afetar a fluidez dos jogos. Cabe ao usuário decidir se a qualidade gráfica é prioritária e se justifica o investimento em uma GPU compatível. Avaliações e benchmarks são fundamentais para uma decisão bem-informada. Tecnologias de super resolução como DLSS da Nvidia e Fidelity FX Super Resolution da AMD são importantes. Ambas melhoram a resolução das imagens mantendo a performance. O DLSS opera com núcleos dedicados das GPUs RTX, enquanto o Fidelity FX é uma solução de software aberta, compatível com diversas plataformas, incluindo GPUs da Nvidia.]
  6. Memória e armazenamento são componentes vitais na montagem de um PC. A escolha adequada é simples, mas fundamental para o equilíbrio do sistema. Para a memória principal, leve em conta os slots de RAM da placa-mãe. Se o orçamento for restrito, um módulo de 8 GB é recomendável, possibilitando upgrade para Dual-Channel no futuro, o que eleva a performance. Se viável, opte por 16 GB de RAM para rodar a maioria dos jogos modernos no PC gamer. Capacidades superiores favorecem o sistema e aplicativos, mas não são primordiais para a maioria dos usuários no início. Quanto à tecnologia de RAM, DDR5 é a mais nova, mas cara e só compatível com hardware avançado. DDR4 é mais em conta e oferece mais opções de frequência, capacidade e preço.
  7. Confirme se a placa-mãe do PC gamer suporta DDR5 ou DDR4, já que não são intercompatíveis. A seleção da frequência da RAM deve considerar o orçamento e os jogos que deseja jogar, baseando-se em análises e benchmarks. Para o armazenamento, dê preferência aos SSDs, inclusive os SATA, pois são mais velozes e resistentes que os HDDs convencionais.
  8. Escolher uma fonte adequada é crucial para garantir o funcionamento do computador. É essencial avaliar a potência, eficiência e certificações do componente. Um PC avançado requer uma fonte capaz de suportar seu desempenho elevado. Verifique a potência em Watts, optando por uma margem acima do necessário, e a eficiência, indicada pelo selo 80 Plus. Melhores certificações significam mais energia efetiva para o sistema.
PC Gamer (Foto: Reprodução/ Colagem/ Canva)
PC Gamer (Foto: Reprodução/ Colagem/ Canva)

Continua após o anúncio
Continua após a publicidade
Compartilhe:
Mostrar comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *