Bem-vindo!

Ao se registrar conosco, você poderá discutir, compartilhar e enviar mensagens privadas com outros membros de nossa comunidade.

Inscreva-se agora!
  • Olá, o tema escuro já está disponível no HT Fórum. Para usar, basta ir no final da página e clicar em (Fluent), em seguida selecione o (Fluent V2 Dark).

Por que é tão difícil ultrapassar a velocidade da luz?

Membro conhecido
Oct
602
319
Velocidades Superluminares

Sabemos, através de experimentos, que a luz viaja no espaço vazio à velocidade de 300.000 km por segundo, ou 1080 bilhões de quilômetros por hora.

Dê uma olhada na Rede sobre o assunto. Há farto material, quer seja simples ou complexo. Velocidades superluminares são previstas pela tanto relatividade como pela física quântica. Dizem que é possível fazer a luz viajar acima da velocidade da luz, desde que a luz faça sua viagem em relação a "outra luz" . Será?

As várias teorias das cordas, as quais também preveem velocidades superluminares, foram concebidas dentro de um intrincado ambiente matemático. Embora vistas como "elegantes", até hoje nenhuma delas permitiu fazer uma única previsão verificável.

Levar a informação de um ponto a outro acima da velocidade da luz sem ferir o princípio da causalidade(*) aparentemente não é tão difícil quanto parece.

Vamos explicar como:

O princípio do experimento

Num dia nublado, vá de madrugada a uma praia deserta. Leve um farolete consigo. Acenda o farolete e aponte para o alto. A luz do farolete será refletida pelas nuvens.

Faça um movimento angular com o farolete, ora apontado para o oriente, ora apontando para o ocidente. O reflexo luminoso do farolete dará a impressão de uma nave espacial que corta os céus a uma velocidade muito maior que qualquer avião a jato que se conhece.

Muito bem, com esse experimento ainda não conseguiremos levar a informação de um ponto a outro acima da velocidade da luz. No entanto, mostramos um caminho aparentemente promissor.

O exemplo do televisor de tubo de raios catódicos.

O televisor de tubo está saindo de cena. Está dando lugar ao televisor de cristal líquido, que dará lugar ao televisor de raios LASER, etc, etc.

Embora fora de moda, o televisor de tubo ainda pode ser visto na casa da vovó.

Um tubo de imagens de TV cromática, é um dispositivo de altíssima precisão, comparável a um microscópio eletrônico. Seu funcionamento baseia-se no mesmo princípio de aceleradores de partículas, no caso, o elétron.

Vamos tomar como exemplo um tubo de 27 polegadas. Como a relação de aspecto de imagem é 4:3, a largura de um televisor de 27 polegadas é de 21,6 polegadas, ou aproximadamente 0,54 metros.

Sabemos que a imagem formada na tela de um televisor a tubo é feita pela varredura de um feixe eletrônico.
Quando o feixe eletrônico atinge a tela fosforescente do televisor, forma-se um ponto luminoso, que é uma informação objetiva. Em uma única linha de varredura, o feixe eletrônico desloca-se do lado esquerdo para o lado direito da tela em 63,5 microsegundos.

Qual seria a velocidade virtual da informação do ponto luminoso na tela do televisor?

Fácil, basta dividir o espaço de deslocamento do ponto luminoso pelo tempo gasto no deslocamento:

v = s/t
v = 0,54 m / 63 microssegundos
v = 8, 41 m/s ou mais de 30.000 km/h

Bem menos que a velocidade da luz, porem quase tão rápido quanto uma sonda espacial lunar.

Ao explorar-se esse caminho aparentemente promissor, qual seria a condição para ultrapassagem virtual da velocidade da luz num tubo de raios catódicos?

Tubos de raios catódicos são empregados em osciloscópios analógicos, embora também sofram a concorrência de similares digitais a cristal líquido.

Consideremos um osciloscópio analógico de tela de cinco polegadas. A largura correspondente do tubo será de quatro polegadas ou aproximadamente 0,1 metros.

Qual seria o tempo de varredura horizontal do feixe necessário, a fim de que o osciloscópio ponha um ponto luminoso na tela numa velocidade virtual acima da velocidade da luz?

s = vt

0,1 m = 300 megametros / segundo * t

t = 333 nanosegundos

Infelizmente, nos melhores osciloscópios comerciais, o tempo mínimo de varredura não vai além de 2 microssegundos, o que confere uma velocidade virtual em torno de 50.000 metros por segundo ou 180 milhões de quilômetros por hora. Nada mal para uma máquina que pode ser encontrada num mercado de pulgas por uma bagatela...

Velocidades reais, muito próximas a velocidade da luz são obtidas em aceleradores de partículas subterrâneos, cujo valor de construção vai a milhões de vezes mais ao custo de um osciloscópio comercial. Não é possível uma partícula ultrapassar a velocidade da luz num acelerador, pois o "campo trator" não vai além disso. Seria como um cavaleiro viajar acima da velocidade do cavalo.

Bem, chegamos ao fim da especulação? Ainda não.

Voltemos ao caso do farolete na praia. Se fizermos o mesmo com um canhão raio LASER, em movimento angular, apontado para a superfíce da LUA na fase Nova?

Há mais de cinquenta anos, disseram que a Coca-Cola pagaria muito bem para quem conseguisse projetar sua marca na superfície LUNAR com essa técnica.

Atualmente, não há como realizar tal tarefa, pois a superfície lunar é curva e acidentada. Além disso, não há como saber se o jato de fótons projetado em movimento angular pelo canhão de LASER não se decomporá pelo caminho, antes de chegar à superfície lunar.

De qualquer maneira, a Coca-Cola "projetou" sua marca na imprensa mundial, sem gastar um único tostão. Uma jogada de mestre, um golpe publicitário que vem sendo copiado por Elon Musk Et Cia Bela. Lembram-se do carro elétrico "posto em órbita" pelo fanfarrão?

Uma última tentativa, a mais simples de todas:

Sabemos que há estrelas no céu com distâncias angulares aparentemente próximas que podem estar a bilhões de anos luz de distancia entre si. Desta maneira, bastaria olhar com uma luneta uma delas e depois a outra, em questão de um segundo.

O experimento prova que é possível obter um movimento virtual acima da velocidade da luz?

Infelizmente, não. Você não vê a luz que parte das estrelas no momento da observação, mas a luz que chega aos seus olhos.

Você vê a frente do jato de luz que cada estrela irradia, as quais podem nem mais existirem no momento da observação.

Até agora, não há como simular um movimento luminoso virtual acima da velocidade da luz.

Podemos enquadrar esse assunto, como vários outros, dentro do campo da ficção científica.

(*) Exemplos de como ferir o princípio da causalidade:
Um carro de fórmula-um chegar ao destino antes do momento da partida.
Acender uma lâmpada elétrica antes de acionar o interruptor.

Mais (embromação):

Físicos colocam partículas no hoje e no amanhã simultaneamente




O que você prefere:

Ser visto como um idiota por não aceitar isso? Ou tornar-se mais um deles, por acreditar na afirmação exposta sem entender como isso é possível?

Particularmente, vejo os físicos modernos como magos do passado. Contam com a ignorância e credulidade de pobres mortais para tanto. Projetam-se como Autoridades Científicas na Sociedade, através de uma linguagem hermética.

Abracadabra!
 
Última edição:
Membro conhecido
Oct
602
319
O materialismo limita a imaginação.

Já comentei em alguma secção do fórum sobre a incômoda posição de quem se declara materialista.

Como é possível alguém ser materialista se ninguém sabe o que é matéria?

Certa vez, como diz a lenda, Einstein comentou que só há dois meios de encarar o mundo:
- Tudo é milagre;
- Nada é milagre.

Conversando com um amigo, levantei uma questão sobre a possibilidade de dois eventos, embora distantes a milhões de anos luz, pudessem estar acontecendo ao mesmo instante, isto é: em perfeito sincronismo.

Notem que não aventei sobre a possibilidade do "efeito fantasmagórico à distância" de átomos entrelaçados, conforme prevê a física quântica, o qual é duramente criticado pelos relativistas.

Meu amigo disse que a proposta era um pensamento totalmente inviável, pois não haveria meios de provar tal sincronicidade de eventos remotos.

Notem que eu não estava à procura da prova de sincronicidade, apenas sugeri tal possibilidade. Se um evento pode acontecer antes de outro, nada impede que ambos aconteçam ao mesmo tempo.

Como o amigo provavelmente devia estar impregnado pelo conceito de "tempo local", ele foi incapaz de aceitar essa possibilidade.

Voltemos a questão do milagre. Como criaturas limitadas, dificilmente conseguiremos provar a sincronicidade de eventos distantes. Mas, com a aceitação de um Ser superior, Deus para não deixar a menor dúvida, pela Sua onipresença, Ele saberá se os eventos foram simultâneos ou sucessivos.

Logo, quem admite um Ser superior, pode fazer raciocínios que vão além das teorias limitantes!
 
Membro ativo
Jan
195
31
Pelo pouco q entendo de Física 3D é impossivel ultrapassar a velocidade da ''Luz'' c um corpo e maquinário sólido, p se ultrapassar a velocidade da ''Luz'' seria necessário ter um corpo de Luz um corpo de carne e sangue não serve.
 
Membro ativo
Jan
195
31
Achei este video recentemente postado de um terapeuta espiritual e psicólogo Argentino muito instrutivo, me ajudou a confirmar o q eu já sabia há muito tempo desde os anos 90 quando li a Série Matrix/Valerian aka John Grace(ex-militar), q este Planeta de Merda é realmente uma prisão, uma Fazenda de Gado e o gado obviamente é a raça Humana, por isso e só assim se explica por que o Ser Humano é reseteado quando nasce na 3D, suas memórias anteriores ao nascimento são totalmente apagadas, os parasitas imundos pensaram em tudo.

No meu caso eu fui chamado e levado lá p dar explicações a um homem preto, levemente musculoso, não se pode ver nada do seu rosto e corpo, somente uma imagem 2D totalmente preta, por volta dos 5 ou 7 anos de idade, uma situação q aparece num dos livros da série Nosso Lar do saudoso Chico Xavier, até a Globo mostrou na biografia do Chico q ele descobriu q os ''espíritos'' estavam lhe usando e manipulando a vida toda p o propósito de deixar o rebanho principalmente do Brasil num primeiro momento, mais dócil e fácil de controlar e manipular c os ensinamentos de ''amor e paz'' do mestre Jesus.
Este parasita ou espírito arconte se apresenta p as suas vítimas como uma imagem 2D totalmente preta como abaixo, é muito relatado pelas pessoas q sofrem seus ataques q ele fica ao lado da cama da pessoa olhando fixamente p a vítima sentado no ar, ele senta mas não há um banco embaixo dele. O q isto tem a ver c física dos sólidos ou física quantica? Na minha opinião a medíocre Ciência Oficial criada pelo max onico Isac Newton perde sua relevância e credibilidade diante de tais fatos.
14131411857.jpg
 
Última edição:
Top